Aconteceu na noite de sexta-feira, 07/05/2021, o primeiro encontro internacional (PCI online) promovido pela Fatec Lins através do Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Qualidade. O evento teve como parceiro a instituição INACAP - Chile, em que a Profa. Victoria Traverso Castro (Coordinadora de Cursos de Especialización en el Extranjero) e Prof. Osvaldo Succi Junior (Projetos Colaborativos Internacionais - CESU - Virtual Exchange Projects) proporcionaram a oportunidade de envolvimento da unidade da Fatec em Lins. Muitas reuniões, desde meados de 2020, foram realizadas para que a parceria fosse viabilizada em formato de COIL (Collaborative Online International Learning). Estiveram presentes nesse primeiro encontro alunos do curso de Logística da Inacap-Chile e de Tecnologia em Gestão da Qualidade da Fatec Lins, com os professores Marisol Andrea Tapia Cespedes e German Abella Betancourt (Inacap), Roberto Outa e Sandro da Silva Pinto (Fatec Lins).

Um Projeto Colaborativo Internacional (PCI) é uma atividade acadêmica desenvolvida colaborativamente, e à distância, entre professores das Fatecs e professores de instituições de ensino superior (IES) internacionais. 
O PCI considera a condição híbrida existente na conjunção entre o ensino presencial e a distância e instiga professores a desenvolverem atividades desafiadoras para os alunos das IES envolvidas. Tais atividades fazem parte do escopo das disciplinas ministradas, porém buscam ultrapassar os limites da sala de aula. Sua natureza interativa é perfeitamente alinhável com as Metodologias Ativas de Aprendizagem.

Além do processo de exploração acadêmica propiciado pelas atividades do PCI, professores e alunos podem se debruçar sobre questões profissionais importantes como: gestão de projetos e equipes, competências interculturais, utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação e a utilização prática de línguas estrangeiras em situações reais.
 
Dentre os vários benefícios encontrados, podemos listar os seguintes:
• Internacionalização na disciplina e na unidade. 
• Projetos que ultrapassem a sala de aula. 
• Metodologias ativas de aprendizagem. 
• Competência intercultural. 

• Competência linguística. 
• Competência tecnológica. 
• Verossimilhança com o ambiente profissional.